Como melhorar a adesão dos pacientes aos planos de tratamento

Atualizado em 13/09/2021Estratégia

Atualmente, com a nova perspectiva social e tecnológica existem inúmeros desafios para a relação médico-paciente, principalmente em relação ao engajamento e a adesão do paciente ao tratamento proposto. Hoje, o comportamento do consumidor está ligado ao poder da influência, os pacientes gostam de comprovação da veracidade dos tratamentos e da opinião de pessoas que passaram pela mesma situação. Assim, eles terão a certeza de que seus esforços valerão a pena e terão os resultados que desejam. 

Por mais que algumas pessoas reforcem que têm dificuldade para levar uma vida saudável, que não são focadas e responsáveis no cumprimento efetivo de seus tratamentos, todos desejam o bem-estar e a longevidade. Só que para isso é necessário investir em mudança de hábitos e isso só acontece com bastante foco, determinação e incentivos. Como forma de incentivar essas pessoas, o médico lida com um novo perfil de paciente, uma pessoa que tem mais acesso à informação, que está sempre atento a temas ligados à saúde e que não mais se intimida ao fazer perguntas durante a consulta com seu médico.

Como já é sabido, nenhum tratamento de saúde deve ser observado apenas pela perspectiva médica, existem diversos fatores que permeiam a experiência do paciente, que vão desde elementos culturais, psicológicos, sociais, socioeconômicos e até mesmo em relação à expectativa com aquele profissional que o atendeu.

Mas por que o paciente não adere ao tratamento?

De acordo com a OMS existem pelo menos 5 variáveis diferentes no quesito adesão do paciente a um tratamento e isso demonstra que esse é um problema do paciente e de todos os atores envolvidos no cuidado à saúde.

  • Falta de informação sobre o tratamento, por falta de clareza na comunicação, dificultando o entendimento dos pacientes quanto às instruções do tratamento;
  • Por questões econômicas;
  • Por estar com outro tratamento em vigência;
  • Por esquecimento;
  • Por resistência pessoal, seja por traumas, reações a efeitos colaterais desagradáveis ou necessidade de uso de medicamentos.

E é pensando nisso que vamos ajuda você a melhorar a adesão de seus pacientes aos planos de tratamento que você pode vir a oferecer.

Estabeleça um diálogo bem próximo, evitando a postura de único detentor do conhecimento, trazendo o paciente para dentro do possível tratamento, ouça mais e fale menos. Jamais trate o paciente como desinformado ou ignorante, ouça as informações que ele já tem, ou acredita ter, sobre sua de saúde. Evite o uso de termos muito técnicos, pois estes não são devidamente compreendidos pelos pacientes, isso gera falha de comunicação e leva a não compreensão e adesão ao tratamento.

Conhecer seu público-alvo fará com que você saiba direcionar melhor suas campanhas de marketing.

Conhecer as preferências de seus pacientes, fará com que você proporcione uma experiência fantástica. Saiba qual fragrância, estilo musical, tom de iluminação que mais agrada seu paciente e deixe tudo preparado para o receber. Isso pode ser feito por meio de questionários simples e direcionados, assim você causará uma experiência inesquecível. 

Conhecer as possibilidades dos pacientes, te fará entender o momento, a possibilidade do paciente. Como já falamos, a adesão ao tratamento não leva em consideração apenas questões da própria saúde, mas também da necessidade e das possibilidades de cada paciente, por isso você precisa ter sempre à disposição opções de pagamento e possibilidade de parcelamento, para que esteja próximo à realidade do seu paciente.

Permita que o paciente participe das decisões sobre seu próprio tratamento e peça que ele monitore os efeitos positivos e negativos, levando suas percepções quando no retorno ao consultório, para que, juntos, façam os devidos ajustes. Isso aumenta o engajamento do paciente durante todo processo, assim ele se sentirá mais empoderado para cuidar da própria saúde.  Quando as pessoas se sentem parte fundamental no processo, se responsabilizam pelo seu tratamento, têm mais vontade de segui-lo e tornam-se defensores do profissional que estão ajudando nesta mudança.

Crie campanhas diversas, de acordo com seu foco e incentive o agendamento de consultas/visitas a seu consultório, para que o paciente possa relatar tudo que o incomoda. Invista em palestras, vídeos e posts que levem o conhecimento sobre doenças ou sintomas, despertando o interesse de um possível paciente. Essa divulgação por meio de campanhas de marketing sobre a extrema importância da correta adesão, certamente fará com que você eleve a qualidade e quantidade da adesão aos seus tratamentos. Destaque também toda melhora obtida com os tratamentos que você oferece e os cases de sucesso que você já conquistou ao longo de sua carreira, eles reforçarão o que o paciente precisa ouvir. 

O estilo de vida da maioria das pessoas, é bastante acelerado e estressante, muitas vezes sem tempo para cuidar de fatores fundamentais e necessários, como sua saúde, por isso o paciente precisa entender que caso ele venha se decidir em fazer o tratamento com você, que você terá condições de atende-lo durante sua rotina, com horários flexíveis e na qualidade necessária.

Para os tratamentos com injetáveis, ter medicamentos em estoque pode ajudar muito a melhorar a adesão ao tratamento, pois assim o paciente pode tomar a medicação logo após a consulta e já dar início à melhora que tanto busca. Os profissionais da saúde precisam mostrar que tudo pode ser feito da maneira mais fácil, para que o paciente não se perca ou fique desestimulado no meio do tratamento.

Seja com equipamentos tecnológicos que agilizam o diagnóstico dentro da clínica, seja com softwares que geram confiabilidade em seu paciente, farão toda diferença. Com o auxílio de equipamentos tecnológicos que ajudam na triagem de seus pacientes, você se destacará frente aos demais, além do paciente perceber que poupará tempo e dinheiro por não precisar fazer uma série de exames laboratoriais que possam ser substituídos por estes equipamentos.  

Já com um bom software de gestão médica, você usará a tecnologia para ajudar a melhorar a rotina de sua clínica, deixando todos os processos organizados para você e seu paciente, que terá informações sobre todas as etapas de seu tratamento, bem como todos os dias e horários que deverá comparecer para dar seguimento a seu tratamento.

Neste artigo, você viu quanto é importante saber divulgar, explicar e orientar seus pacientes ou possíveis pacientes sobre a importância da adesão ao tratamento. Somente assim, elas seguirão corretamente o tratamento proposto, em prol de uma melhor qualidade de vida.

Gostou deste conteúdo? Então, continue de olho em nossas redes sociais. Precisa de ajuda? Faça contato conosco, vamos te ajudar a revolucionar seu negócio, tornando-o ainda mais promissor.

Por Juliana Lage

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *