7 dicas para fideliza o seu paciente

Atualizado em 21/09/2020Comercial

Em qualquer negócio, a entrega de resultados ao cliente final é o que mantém o fluxo de recursos para sobrevivência da empresa. Mas, antes disso, é importante mapear seu público-alvo, bem como seus anseios e desejos. A partir daí, criar estratégias para cativá-lo se torna uma ferramenta fundamental para estabelecer e manter um relacionamento que vai garantir controle de qualidade dos serviços prestados, bem como o retorno financeiro do investimento. 

Num modelo de negócios, baseado na entrega de serviços, um dos pilares para o sucesso é o relacionamento com o cliente, tão essencial quanto a sua primeira venda. Pensando na medicina integrativa (ou saúde integrativa), essa estratégia de um bom relacionamento passa a ser crucial. Porque a entrega final ao paciente não é apenas uma consulta, mas um tratamento especializado, que exige atenção especial a cada um desses clientes. 

Nesse modelo, o paciente é visto e avaliado de forma integral, tanto no que diz respeito ao seu ser, quanto no que diz respeito ao meio social e ambiente onde vive. Isso exige do médico a capacidade de investigar e detalhar uma rotina particular do paciente, entender seus dilemas psicológicos, além do seu histórico de doenças e relações sociais. Com isso, se estabelece o primeiro passo e o mais importante para fidelizar seu paciente. 

A partir disso, podemos listar algumas dicas para fidelizar seu paciente, baseado na permanência de um bom relacionamento. São elas:

DICA 1 – Ambiente humanizado

Dentro da abordagem integrativa, desde o primeiro contato com o paciente até o último atendimento, é necessário se mostrar próximo, afetivo, íntimo e preocupado com as dores e queixas que o fizeram ir até o consultório. Nos hospitais, por exemplo, existem centrais de atendimento presencial e centrais on-line que fazem um contínuo relacionamento com os pacientes. Mas, a proximidade muitas vezes se torna um roteiro igual a todos, sem pensar a especificidade de cada um.  No acolhimento humanizado, a aproximação com o paciente deve ser de forma afetiva, demonstrando carinho e cuidado desde o primeiro o atendimento. Isso faz com que o paciente perceba que há um diferencial naquele tipo de acolhimento e, assim, inicia-se um relacionamento que será convertido em permanência do público-alvo, bem como um marketing “boca-a-boca”. 

DICA 2 – Atendimento personalizado

Quando o paciente procura o médico integrativo, ele é visto como todo, dentro das suas complexidades e especificidades. Por isso, o médico deve traçar estratégias personalizadas para aquele indivíduo, tendo como norte a máxima de que não existe uma fórmula ou remédio geral para todos. O tratamento é desenhado desenhado e traçado para o perfil daquela patologia clínica, mas ela deve seguir fórmulas conforme a necessidade personalizada. Nisso, o paciente é visto de forma única, tendo uma estratégia para ele. Ao longo do tratamento, o médico fica à disposição do paciente para fazer esse atendimento personalizado, cativando não somente o cliente como também estabelecendo parâmetros que o ajudarão na tomada de decisão se houver alguma mudança no tratamento da patologia clínica que o levou ao consultório.

DICA 3 – Entrega diferenciada

Na entrega diferenciada, proposta pela medicina integrativa, o objetivo é entregar para o paciente mais do que ele espera. Muitas vezes, o paciente chega ao consultório com uma queixa principal, sendo o motivo inicial do atendimento. É através dessa primeira queixa que ele procura o atendimento médico. Quando o médico resolve o seu problema em relação a essa queixa principal e ainda entrega novos modos de vida que o ajudam a criar uma rotina que promove saúde, bem-estar e longevidade, ele está fazendo uma entrega diferenciada. Através dos tratamentos da medicina integrativa, essas as entregas podem favorecer, inclusive, outras áreas da vida da vida do paciente. Isso faz com que ele seja visto com mais humanidade e não apenas como um cliente cuja dor é resolvida apenas com uma receita.

DICA 4 – Diagnostico preciso e rápido

Na medicina tradicional, levanta-se muito a causa do problema e, quando vai tratar a patologia do paciente, ele já fez muitos exames laboratoriais, já investiu muito no levantamento da causa que, naquele breve momento com o médico para sugerir uma medicação, não é dedicado tanto tempo para se pensar nas escolhas do melhor tratamento. Na medicina integrativa, existem diversos equipamentos tecnológicos que favorecem o médico nesse diagnóstico, que ajudam o médico a estabelecer um norte mais preciso de como está a patologia clínica inicial desse paciente, bem como as melhores escolhas na busca pela satisfação e cura do paciente.

DICA 5 – Tratamentos imediatos

Quando se pensa em medicina integrativa, o acompanhamento do paciente se dá em tempo real, com equipamentos especializados, onde se apresenta um mundo de resultados. Isso colabora para que, já num primeiro momento, se possa introduzir tratamentos imediatos no paciente. Nesse tipo de tratamento, o médico já fez o diagnóstico, detectou quais são os sinais em que ele deve se atentar mais e também mapeia onde já é possível aplicar um plano terapêutico para que o paciente se recupere com mais agilidade. Ou seja, o paciente já sai do consultório médico sendo tratado enquanto exames outros exames clínicos são providenciados.

DICA 6Acompanhamento durante o tratamento  

Quando o médico fecha um acompanhamento com o paciente, há tempo para análise da evolução da estratégia inicial do tratamento, bem como possibilidade de análise para avaliar os resultados. Isso não impede que, no meio do tratamento, possa haver uma intervenção médica aplicando alguma outra terapia que funcione melhor o tratamento do paciente. Assim, isso faz com que o tratamento próximo ao paciente estabeleça uma troca de relações, inclusive, de afetividade. Na medicina integrativa, o médico demonstra uma preocupação mais intimista com o paciente, gerando uma relação de confiança que faz com que o relacionamento se torne cada vez mais forte e fiel.

DICA 7 – Qualidade de vida e bem estar

Pensando que o paciente busca o atendimento não apenas para tratar uma queixa, mas também a compreensão do que lhe afeta, na sua completude, como causas e efeitos do que está sentindo, o atendimento personalizado visa melhoria em na qualidade de vida do paciente de um modo geral. A partir do acompanhamento que é feito na medicina integrativa, são indicadas atividades físicas e exercícios ao paciente que irão ajuda-lo não somente na sua debilidade pontual – causa da procura pelo atendimento -, mas também perspectivas a partir de um novo modo de vida que integra todas as esferas dos seus hábitos, incluindo dietas alimentares e práticas de atividades físicas.

Quer saber mais dicas sobre como fidelizar seu paciente e gerenciar melhor sua clínica? Contrate os serviços da SUPPORT HEALTH e entenda o Método Brasil de Saúde Integrativa. Você terá acesso imediatamente aos modelos e treinamentos por meio de vídeoaulas dos processos, das operações do sistema, software operacional desenvolvido e alimentado pela SUPPORT HEALTH. Além disso, também tem acesso ao APP e sítio digital na internet para os pacientes localizarem o profissional médico, atraídos por conteúdos produzidos pelos maiores influenciadores desse segmento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *